O evento de lançamento do projecto ‘AGRI-URB: Agricultura Urbana para melhorar a segurança alimentar nos assentamentos informais de Maputo’ realizou-se a 8 de Setembro de 2022.

O evento foi organizado pela Casa Agrária das Mahotas, que actualmente alberga um escritório da Câmara Municipal de Maputo e uma pequena biblioteca aberta à comunidade local.

Financiado pela Agência Italiana de Cooperação para o Desenvolvimento (AICS), o projecto AGRI-URB foi concebido com o objectivo de melhorar as condições de vida e a segurança alimentar dos cidadãos de Maputo, através, por um lado, do aumento das capacidades de produção e distribuição de alimentos frescos e, por outro lado, da promoção do desenvolvimento da economia local e do desenvolvimento sustentável no município de Maputo.

O Director da AICS Maputo Paolo Enrico Sertoli explicou: «O projecto AGRIURB, ao reforçar os laços de amizade e cooperação que ligam a Itália ao Município de Maputo, faz parte de um complexo de iniciativas que, com financiamento da Agência Italiana de Cooperação para o Desenvolvimento, contribuem para melhorar a qualidade de vida da população urbana da capital do país e, no próximo ano, será apoiado o sistema de Agricultura Urbana operado no município de Maputo, com o objectivo de reforçar a agricultura agro-ecológica urbana e a pecuária nas Zonas Verdes de Maputo (distritos municipais de KaMavota e KaMubukwana) e a agricultura urbana no distrito municipal de KaNhlamankulu».

O projecto será estruturado em três componentes: uma centrada na divulgação da agroecologia, para os distritos de KaMavota e KaMubukwana, uma centrada na agricultura urbana no distrito municipal de KaNlhamankulu, onde a AICS já está envolvida no apoio ao reordenamento do bairro Chamanculo C através do Programa REGENERA, e uma terceira dedicada à formação de pessoal técnico que presta assistência e aconselhamento aos produtores locais de agricultura, zootecnia e peixe.

O evento contou também com a presença de representantes da Câmara Municipal de Maputo e da Secretaria de Estado da Juventude e Emprego; representantes das ONGs responsáveis pela implementação do projecto, We World GVC, AVSI, Addesso, Abiodes; e membros e representantes das Associações e União dos Agricultores.

O Conselheiro para o Desenvolvimento Económico Local, Dr. Danúbio Júlio Lado, comentou: «O projecto ‘AGRI URB: Agricultura urbana para melhorar a segurança alimentar nos assentamentos informais de Maputo”, que temos a grande honra de lançar hoje, com o apoio financeiro da Agência Italiana de Cooperação para o Desenvolvimento, alinha-se com os esforços feitos pelo Conselho Municipal de Maputo, que no âmbito do PDM 2019-2023 (Plano de Desenvolvimento Municipal 2019-2023), está empenhado em fazer tudo para aumentar a produção e produtividade agrícola, pecuária e pesqueira, factores chave na promoção do desenvolvimento das economias locais».